Sustentabilidade nas Indústrias de Alimentos: Marketing do Bem!

Sustentabilidade nas Indústrias de Alimentos: Marketing do Bem!

Já percebeu a quantidade de comerciais e propagandas focados em uma produção mais sustentável? Não? Então, olhe para as lojas e estratégias de marketing utilizadas. Cada vez mais a população buscar pela sustentabilidade, uma forma de beneficiar e cuidar do planeta.

Facilmente você consegue encontrar uma caixa reciclável ou uma garrafa retornável, a Coca-Cola está aí para provar isso. Além disso, esse é o marketing das famosas empresas, se preocupar com o que o público se importa, dado que, a procura por uma vida melhor é notória entre os cidadãos.

Agora você deve estar se perguntando “Como eu posso ser mais sustentável e ainda vender melhor?”. Ao decorrer do texto essa pergunta se tornará mais clara.

Quais os principais vilões para o planeta?

Pensando na sustentabilidade, primeiro, nós devemos saber quais são os problemas que devem ser solucionados. Com isso, entre os assuntos mais comentados nós temos a redução de perdas e desperdícios, redução de pegada de carbono e eficiência no uso da água. Melhorias:

1. Redução de perdas e desperdícios

Segundo a FAO, organização das nações unidas para agricultura, é estimado que as perdas e desperdícios correspondem a um terço da produção global de alimentos. Ademais, esse fator está extremamente relacionado com o temido efeito estufa, uma vez que, a liberação de certos gases, liberados por resíduos, agrava essa problemática.

Como evitar o desperdício?

  • Reciclar as matérias primas utilizadas
  • Separação de resíduos orgânicos para sua utilização na produção de fertilizantes
  • Contribuir com a coleta de óleos
  • Investir em produtos retornáveis

Além dessas ações existem diversas outras formas de contribuir para a diminuição de resíduos no mundo. Vamos pôr em prática!

2. Redução de pegada de carbono

Primordialmente vamos saber o que é pegada de carbono! Consiste na medição de quanto de dióxido de carbono produzimos através de nossas atividades. Outrossim, também mede como nossas atitudes fazem crescer os gases de efeito estufa no mundo.

Os tópicos abordados no ponto número 1 estão extremamente ligados com as formas de redução de pegada de carbono. Ademais, as indústrias de alimentos estão constantemente pensando em formas de reduzi-la. Bora diminuir a liberação de CO2 na atmosfera e focar na sustentabilidade?

3. Eficiência no uso da água

Sem dúvidas a água é um dos recursos mais ricos e importantes do nosso planeta, visto que, ninguém sobrevive sem ela. Quantas vezes você ficou horas com a torneira aberta lavando a louça? Muitas. Quantas vezes você ficou relaxando no chuveiro e nem percebeu a hora passar? Perdeu as contas né.

Os exemplos citados anteriormente são só a ponta dos turbilhões de ações que o ser humano realiza que estão acabando com o bem mais precioso do nosso mundo. Triste, certo? Quantos seres vivos terão que morrer para suprir o egoísmo humano?

Por outro lado, as indústrias de bebidas não alcoólicas e de alimentos, primordialmente, estão cada vez mais empenhadas na redução do uso de água. Dessa forma é notório que os cidadãos brasileiros e de todo o mundo devem focar se estão utilizando a água pensando na sustentabilidade.

Formas de preservação na indústria:

  • Mapear o uso da água – descobrir pontos de melhoria;
  • Trocar equipamentos – ao descobrir os pontos negativos da produção deve-se investir em equipamentos que reduzem a perda de água;
  • Recirculação interna da água – encontrar formas de reutilizar a água dentro da indústria;
  • Devolver a água para natureza – os peixes também querem viver!

Esses foram algumas das técnicas para a redução do uso de água em indústrias. Não esqueça de sempre se importar com ela.

Com isso é notório que buscar ser uma empresa sustentável contribui não somente para o aumento de suas vendas mas como para o bem do planeta, uma vez que, essas ações se tornam um “marketing da sustentabilidade”.

Gostou do conteúdo abordado? Então talvez você se interesse pela:

Novidade: Embalagem comestível

Sua Empresa está Preparada para o Consumidor Consciente?

Proteína de ar: A Comida do Futuro

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *